Equipamentos e tecnologias das cozinhas profissionais

Banner Benedita Vaz Massoterapeuta
Banner A. R. Antiguidades
Banner Espaçamento

Por: Yuri Moita

Faz pouco tempo que assistimos, em diversos programas de TV, chefs muito conhecidos, às vezes nem tanto, utilizando equipamentos e tecnologias que mais parecem ser restritos a esse pequeno clube.

Cada vez mais têm sido fabricados recursos tecnológicos para cozinha, ambiente que compete com áreas tradicionais, como a da informática e de equipamentos eletrônicos. Todo esse potencial surge para atender a um público que consome tudo que há de mais moderno, seja para facilitar a vida e melhorar o desempenho de suas receitas, seja pelas funcionalidades exclusivas de determinados equipamentos.

 

APRENDA A FAZER MASSAS FRESCAS COM TÉCNICAS DE CONGELAMENTO!MONTE SUA NHOQUERIA - CONFIRA MAIS DETALHES!400 RECEITAS FIT COM CARDÁPIOS - SAIBA MAIS!
Banner Espaçamento

Por dentro da cozinha dos chefs

Um dos equipamentos que mais têm se destacado para ajudar – ou não – a vitória dos chefs nos programas de TV, como também para melhorar a vida e impressionar os convidados em nossas casas, são os fornos combinados. Mas afinal, o que são esses equipamentos?

Basicamente falando, são completamente diferentes de um forno convencional, tanto em características e desempenho, quanto em preço. Por isso que, nos círculos sociais, impressiona quem possui tais equipamentos nas residências.

O forno combinado – também conhecido como centro de cocção inteligente –, por sua tecnologia precisa e inteligente, substitui vários equipamentos. Isso porque trabalha com calor seco, igual a uma frigideira, forno ou fritadeira. Também faz assados, frituras, ensopados, uma vez que trabalha com calor úmido, substituindo uma panela de água ou de vapor. Isso permite a cocção de arroz, legumes, carnes cozidas, entre outros alimentos.

O grande diferencial é a possibilidade do calor combinado – ar quente e vapor ao mesmo tempo. Esse é o “pulo do gato” dos chefs! Sabe aquela carne de panela muito macia feita com carne de segunda, mas que fica super úmida e desmanchando só de olhar?

Em casa, com uma panela em um fogão tradicional, é preciso fazê-la em fogo baixo, tomando todo o cuidado e olhando sempre, colocando líquido de pouquinho em pouquinho.

Já no forno combinado, você coloca na temperatura desejada, programa o tempo e o forno faz o trabalho sozinho sem supervisão do “fogo baixo” e do colocar “liquido de pouquinho em pouquinho”. Essa analogia serve para que tenhamos consciência do avanço tecnológico.

Alguns equipamentos, inclusive, calculam o tempo e a temperatura sozinhos, alcançando resultados de acordo com seu gosto, mais dourados ou menos dourados, por exemplo. O melhor de tudo e o que encanta a todos é que, depois de utilizar por horas o forno, com assados, grelhados e frituras, ele ficará em petição de miséria.

Até nisso o forno combinado é vantajoso, pois tem autolavagem interna, não sendo necessário passar nem um paninho por dentro. Nada, nada. Um sonho, não é?! Agora, sua cozinha também pode ter essa tecnologia de TV.


Origem dessas tecnologias

Muito do que se vê na TV, na verdade, nasceu da tendência de consumo da população, ou seja, da maneira como eu e você cozinhamos e comemos todos os dias.

A indústria é o berço da criação, onde as grandes marcas moldam essa tecnologia para o tamanho de nossas cozinhas, pois entendem que o espectador dos programas de culinária quer, cada dia mais, inovar em técnicas, ingredientes e tecnologia.

Os novos ingredientes, os aparelhos com inteligência artificial, os novos métodos de cozimentos, entre outras tecnologias, carregam o potencial de mudar fundamentalmente o que comemos.


O queridinho das cozinhas

Outro equipamento que está mudando a forma como se entende comida é o Thermomix, a marca queridinha dos europeus. Ele nada mais é do que um processador de alimentos que também cozinha. What? Vamos lá: imagine um processador de dez mil rotações por minuto, com lâminas que não perdem o fio, e tudo isso em um tipo de panela elétrica? Então, esse processador é tudo isso e muito mais!

Isso porque você pode usar essas funções ao mesmo tempo. Já imaginou fazer brigadeiro da forma tradicional na panela, mexendo sem parar até dar o ponto? Com o processador não precisa mais, porque o aparelho faz isso sozinho. Controla a temperatura para não queimar, não cria grumos e ainda deixa uma cremosidade ímpar.

Agora, pensa comigo: e se você pudesse utilizar esse vapor do cozimento do brigadeiro para cozinhar aqueles deliciosos pães chineses, cozidos a vapor, ou adiantar os legumes do jantar? Com o Thermomix você também pode!

Falando em pão, e para fechar com chave de ouro, você gosta de sovar massas de pão ou massas frescas por longo tempo? Cansa, não é?! O nosso amigo processador de alimentos também tem esta função exclusiva, sovar massas. Todas essas funcionalidades estão aliadas a um alto desempenho e durabilidade. Sem dúvida você e sua cozinha serão grandes amigos deste equipamento.


A realidade nua e crua

Na cozinha de verdade, seja dos chefs da TV, seja das nossas casas, coisas que com certeza se destacam são a interatividade e a sustentabilidade em todos os lugares e ações. Mais importante do que cozinhar, é o como cozinhar e cuidar daquilo que cuida de você.

Ressaltando a célebre frase: “você é o que você come”, mais do que nunca precisamos atuar na vanguarda daquilo que é mais importante, a nossa saúde. Saudável não está ligado a palavras como low carb, diet, light, sem glúten e etc., mas sim à equilíbrio, à felicidade, ao prazer e à harmonia. Portanto, toda a tecnologia que existe na TV é para que possamos ter uma vida e uma alimentação mais equilibradas. Que o ato de preparar um alimento não seja uma tarefa que demore de quatro a seis horas, pois ninguém será feliz ficando tanto tempo na cozinha depois de trabalhar um dia inteiro.

Talvez você esteja lendo este texto e pensando na sua cozinha, na sua realidade e avaliando, “será que eu consigo facilitar minha vida na cozinha como fazem os chefs na TV”. A resposta é “sim”, simples e categórico.

Sejam com novos equipamentos, sejam com novas técnicas ou livros, comer, mais do que nunca, é uma das atividades que mais nos encanta, relaxa e diverte quando estamos sozinhos, em duplas, trios ou grandes grupos. A boa energia que emanamos do ato de nos alimentar e a outros sobrepõem qualquer tecnologia.


Sobre o Yuri Moita

Yuri Moita é mestre em Educação, Gestão e Difusão pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de janeiro) e graduado em Gastronomia pelo Centro Universitário Senac. É Professor do Centro Universitário Senac e Consultor em Food Service. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Tecnologia Educacional. Atuou como consultor em gastronomia, marketing, criação de produtos, adaptação de receitas para indústria, qualidade, adaptação de negócios a legislações nacional e internacional. Elaborou conteúdo didático para treinamentos em gastronomia, gestão de pessoas, gestão de processos e vendas.

Equipamentos e tecnologias das cozinhas profissionais
5 (100%) 1 vote[s]
Banner Anuncie Aqui

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Colunistas, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *