Defumação: Quente e Fria

Banner Cafeteria Gamela
Banner Guia Gastronômico
Banner Espaçamento

O processo de defumação baseia-se na exposição do alimento à fumaça proveniente da queima incompleta de madeira, serragem, carvão, etc. Este processo é utilizado, principalmente, para carnes bovinas, pescado e embutidos. A fumaça resultante da queima da madeira contém compostos químicos formados durante o processo, como os aldeídos, fenóis e ácidos alifáticos, que têm poder bactericida.

Além do efeito dos compostos químicos formados durante o processo, a exposição do alimento a altas temperaturas tem papel coadjuvante, uma vez que age como tratamento pelo calor e como desidratante, diminuindo, portanto, o teor de água dos alimentos. Ocorre também a formação de uma “casca” externa que atua como um “isolante” que dificulta a entrada de novos contaminantes.

Banner Espaçamento


Quente

Processo de exposição do alimento a fontes de calor e fumaça em câmara com temperatura controlada, fato que dispensa cocção do alimento posterior ao processo. Temperaturas entre 80◦C e 90◦C possibilita a cocção completa do alimento e, conjuntamente, agrega características específicas do processo de defumação.

Passo a passo para defumação caseira na panela:

  • Forre uma panela de fundo grosso com papel alumínio. Coloque a serragem sobre o forro. Acrescente ervas (tomilho, louro, alecrim) ou especiarias (cravo, canela em pau), combinando os temperos com o alimento que vai ser defumado;
  • Coloque uma grelha sobre a serragem a uma distância suficiente para que o alimento não entre em contato direto com o pó da madeira – mais ou menos 10 centímetros;
  • Acenda o fogo e espere a serragem começar a queimar. Em seguida, coloque o alimento na grelha e tampe a panela. Deixe agir por cerca de 10 minutos – esse tempo varia de acordo com o alimento. Carnes, por exemplo, demoram mais que vegetais;
  • Caso tenha uma panela específica para cozimento a vapor, basta colocar a serragem no fundo e o alimento no recipiente com furos que vai em cima. Mas lembre-se de forrá-la com alumínio para que a madeira não grude.

Passo a passo para defumação caseira no forno:

  • Coloque os gravetos secos ou serragem em uma assadeira forrada com alumínio. Acrescente ervas (tomilho, louro, alecrim) ou especiarias (cravo, canela em pau), combinando os temperos com o alimento que vai ser defumado;
  • Leve ao forno a 250º C na grade inferior. Deixe fechado por pelo menos 10 minutos para que comece a liberar fumaça;
  • Coloque o alimento a ser defumado na grade superior. Pode-se usar papel alumínio como suporte;
  • Mantenha-o no forno por cerca de 5 minutos. Vire e deixe defumando pelo mesmo tempo. Atenção: vegetais pegam sabor mais rápido do que carnes;
  • Retire a assadeira com a madeira e termine a cocção do alimento no forno. A temperatura do forno também deve variar de acordo com o alimento.


Fria

Fumaça produzida por calor e acima da mesma é disposto uma grelha com gelo para resfriamento. Processo este que possibilita a defumação e adição de cor e sabor sem cozinhá-los. Após defumação a frio o alimento é exposto por um período de seis meses a um ano em câmara com temperatura controlada (19◦C a 48◦C) para secar. Processo indicado para alimentos que sofrerão cocção posterior.

Passo a passo para defumação caseira a frio:

  • Faça um furo com um prego em uma lata de óleo de 1 litro (ou outra de uso para alimentos). Encaixe no buraco um canudo plástico. Retire o fundo da lata com um abridor;
  • Separe outra lata menor e retire a tampa. Dentro dela misture ervas e especiarias de sua preferência com gravetos ou serragem;
  • Coloque fogo na lata menor. Se tiver com dificuldade pode usar um acendedor de churrasqueira, um pão duro umedecido com álcool ou mesmo aquecê-la na chama do fogão até que o conteúdo comece a queimar;
  • Assim que começar a gerar fumaça, cubra imediatamente a lata menor com a maior aberta no fundo já com o canudo encaixado;
  • Encaixe a outra ponta do canudo dentro do recipiente onde está o alimento a ser defumado. Esse recipiente deve estar fechado para reter a fumaça da lata, tendo apenas o pequeno espaço para o canudo;
  • Deixe que a fumaça cubra todo o alimento. Depois feche totalmente o recipiente e leve à geladeira. Deixe defumar por cerca de 10 minutos. Lembre-se: quanto mais tempo, mais acentuado será o sabor defumado. Sirva imediatamente.


REFERÊNCIAS

EVANGELISTA, José. Tecnologia de alimentos. São Paulo. Editora Atheneu, 2000. 652 p.

Avalie a postagem!
Banner Anuncie Aqui

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Colunistas, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

3 comentários em “Defumação: Quente e Fria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *