Automação Comercial

5 alimentos famosos e suas peculiares origens

Banner Sinergia Brazil
Banner Rancho do Pescador
Banner Melhores Cursos Online

Desde molhos até batatas, todos os alimentos têm uma história. Muitos foram inventados para um propósito particular, outros por necessidades de algumas pessoas, ou foram resultados de acidentes. Mas no final não é comum que pensemos na história por trás do lanche do McDonald’s, o da nossa refrescante caipirinha, entre outros… Mas confie em nós – isso pode ser fascinante!

Nesta matéria, lhe trazemos as interessantes histórias de cinco alimentos muito populares.

Banner Espaçamento

Não teríamos sanduíches se não fosse pelos jogos de azar

Um sanduíche é um alimento básico e mundialmente popular. É feito com alguma forma de proteína e salada entre duas fatias de pão; é fácil de transportar e comer, e não precisamos de talheres ou louças para comê-lo.

Acontece que, em 1762, John Montagu pensava o mesmo. Montagu era o 4º Conde de Sandwich, uma pequena cidade em Kent, na Inglaterra, e era um ávido jogador. Não se sabe se ele tinha um problema de jogo, mas é bem possível que ele não conseguisse nem mesmo parar seu passatempo para almoçar!

Em vez de ser servido entre pratos, facas e garfos, Montagu pediu que seu almoço fosse levado até ele entre duas fatias de pão. Isso resultou no primeiro sanduíche de carne assada do mundo.

Os outros jogadores observaram o que ele estava fazendo e notaram que ele não precisava parar o jogo para almoçar, e assim o imitaram e começaram a pedir o mesmo! Aos poucos, cada vez mais pessoas começaram a pedir o mesmo, e o prato foi nomeado em homenagem ao seu criador.

Desde o século XVIII, os sanduíches se espalharam por todo o mundo. Agora esses alimentos são comuns em várias culturas, desde a mexicana à vietnamita, e tudo isso graças ao Conde de Sandwich.


A incerta origem das batatas fritas

As batatas fritas, ou mais conhecidas por aqui como fritas, estão entre os alimentos mais populares do mundo. Elas são feitas com batatas e óleo, se produzem em massa e se vendem com hambúrgueres e nuggets de frango no mundo todo. No Brasil, as fritas são tão queridinhas, que você pode comprá-las na rua em cones, e literalmente acompanham todas as comidas, desde os pratos feitos até as pizzas. Mas qual é a história por trás delas? Por que os gringos chamam elas de french fries? Elas são mesmo francesas?

A França e a Bélgica frequentemente debatem – ou até mesmo brigam – sobre a origem do famoso snack. Muitas pessoas acham que as fritas começaram junto ao rio Meuse, na Bélgica. Tradicionalmente, os habitantes deste local comiam peixe frito. No entanto, o rio congelou no inverno, e o peixe deixou de estar disponível, sendo substituído por batatas fritas.

As pessoas que suportam esta teoria pensam que as fritas foram descobertas por um soldado durante a Primeira Guerra Mundial e já que o francês é falado nesta área, os soldados chamavam as batatas de French fries ou batatas francesas.

No entanto, muitos outros pensam que os parisienses realmente foram os que originaram as batatas fritas. Eles afirmam que no ano 1780 era possível encontrar vendedores de rua comercializando o famoso snack. Há até mesmo teorias de que elas são originárias da Espanha, e estas podem até ser válidas. No final as batatas são originárias do Peru, e o país foi historicamente uma colônia espanhola.

Acredita-se que Thomas Jefferson foi a pessoa que introduziu as batatas fritas nos EUA. Naturalmente, elas se tornaram um sucesso na cozinha americana e na atualidade são apreciadas nos EUA e no mundo.


A Fanta e a Alemanha nazista

A Fanta é um refrigerante popular no mundo todo. Muitas pessoas bebem Fanta como uma alternativa frutada à Coca-Cola ou outras bebidas carbonatadas. Mas você sabia que ela foi inventada na Alemanha nazista como uma bebida alternativa porque os americanos decidiram reter o fornecimento de insumos da Coca-Cola?

A Coca-Cola Export Corporation foi criada nos anos 20 e foram estabelecidas fábricas de engarrafamento em mais de 27 países. Cada fábrica recebia o concentrado da Coca-Cola da principal empresa nos EUA, mas elas tinham seu próprio açúcar e equipamento de engarrafamento.

Após o ataque a Pearl Harbor, os Estados Unidos entraram na guerra. Eles iniciaram um embargo na Alemanha e no Japão. Isso significou que o fornecimento de xarope de Coca-Cola fosse interrompido.

Max Keith trabalhou para a fábrica alemã de engarrafamento, e apesar do embargo, ele ainda queria criar uma bebida. Assim, em vez da calda, ele usou sobras de polpa de frutas do processamento da cidra e soro de leite da coalhada do queijo. Na criação do nome, convidou membros de equipe, solicitando-lhes para usarem “sua imaginação”, e eles decidiram pela Fanta, que deriva do alemão Phantasie.

Na época, não havia outros refrigerantes na Alemanha. Isso ajudou a Fanta a se tornar um sucesso, especialmente porque o açúcar em outras formas era estritamente racionado. Quando a Alemanha perdeu a guerra, os lucros e as receitas da Fanta foram entregues à sede da Coca-Cola nos EUA.


Os nachos nasceram de um ato de gentileza

Os nachos são um popular tex-mex apreciado mundialmente. Este petisco, ou prato para compartilhar, é muito popular e se prepara com tortilhas, queijo, feijão, guacamole e, às vezes, carne ou pimenta vegetariana.

O prato foi inventado em 1943 na cidade de Piedras Negras em Coahuila, vizinha de Texas na fronteira entre o México com os Estados Unidos.

Existe uma base militar americana do outro lado da fronteira. Um dia um grupo de esposas dos militares passou o dia em Piedras Negras e antes de voltar parou para jantar. Porém, todos os restaurantes próximos já haviam fechado.

Foi então que elas se toparam com Ignacio Anya, um chef do Victory Club. Anya sentiu pena delas e as levou para o restaurante que já estava fechado. Resolveu preparar algo com os ingredientes que tivessem sobrado. Entre eles, ele encontrou uma tortilha que utilizou em forma de triângulos, jalapenos e cheddar ralado. Ele juntou tudo e colocou o prato no forno.

Este prato foi um grande sucesso. Ignacio serviu o prato para mais pessoas e o chamou “Nacho”, que era seu apelido.

Os nachos começaram a ser servidos nos dois lados da fronteira, onde hoje em dia são mais conhecidos, no entanto, você pode encontrá-los em todo o mundo!


O molho Worcestershire foi criado por acidente

Um dos molhos muito apreciado no Reino Unido e em outros lugares é o molho Worcestershire, por aqui mais conhecido como molho inglês, e curiosamente, foi um dos alimentos criados por acidente!

Ele remonta a 1835. Lord Sandys foi governador de Bengala na Índia, e retornou à Inglaterra para se aposentar. No entanto, ele estava acostumado com seu conforto na Índia, incluindo um molho particular feito de peixe e vegetais. Então ele pediu a John Lea e William Perrins, proprietários de farmácias locais, que criassem um molho similar.

Os químicos fizeram o molho, e planejaram vender alguns em sua loja. Porém, ele tinha um cheiro poderoso, então eles decidiram tirá-lo das prateleiras e colocá-lo na adega. Ai ficou esquecido por dois anos, envelheceu perfeitamente e tornou-se o delicioso molho inglês que conhecemos hoje.

Lea & Perrins ainda é a marca de molhos Worcestershire mais famosa até hoje.

 

Como você pode ver, alguns alimentos têm histórias fascinantes. Claro, existem muitas mais, mas por enquanto estas devem ser suficientes para afiar seus dentes.

 

Foto Destaque: Jonathan Borba/Unsplash

Banner Melhores Cursos Online

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Artigos, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 × 3 =