Banner Teknisa

Vocabulário do vinho: 7 termos que você precisa conhecer

Banner Rancho do Pescador
Banner Cursos de Confeitaria Online

O vocabulário do vinho pode ser um pouco confuso para quem está iniciando uma caminhada neste campo. No entanto, entender os principais conceitos é importante para que você consiga prestar a atenção e identificar as nuances que esta bebida possui.

Leia mais: Dicionário Enológico

Um dos momentos em que o vocabulário do vinho se faz essencial é na leitura das resenhas, de avaliações de produtos ou dos rótulos das garrafas. Ter esse conhecimento permite compreender com mais facilidade o que está escrito e identificar se o paladar descrito te agrada.

Para te ajudar a ampliar seus conhecimentos sobre vinhos e tudo que gira em torno desse ramo, no post de hoje vamos mostrar sete termos do vocabulário do vinho que são indispensáveis para quem está começando a entender e se apaixonando ainda mais pelo mundo dos vinhos!

Banner Espaçamento

Corpo

É o que permite detectar se existe equilíbrio e harmonia na bebida. Ou seja, a forma como o vinho se apresenta na boca. É caracterizado pela combinação do álcool presente na bebida, o açúcar, o tanino e a acidez. Pode ser classificado de 3 formas: pouco corpo, médio corpo ou encorpado. Nos vinhos tintos, é mais fácil perceber a diferença visualmente. Quando estes possuem pouco corpo, o líquido fica translúcido na taça. Já quando este é encorpado não é possível ver através dele.


Adstringência 

De acordo com o  vocabulário do vinho, este termo é utilizado para falar sobre bebidas que apresentam taninos presentes e/ou agressivos. É a famosa sensação de boca travada, que temos quando comemos uma fruta verde.


Retrogosto 

É a sensação que fica na boca após beber o vinho. Pode ser curto, quando some rapidamente, médio, quando perdura por cerca de 15 segundos, e longo, se tiver uma duração maior.


Taninos

São encontrados nas cascas, bagaços e sementes dos vinhos tintos. É considerado um dos componentes mais importantes desta bebida. Seu perfil tânico depende, entre outras coisas, da variedade da uva, das condições da safra e do trabalho do enólogo responsável pela produção.


Complexos

Os vinhos que são enquadrados nesta categoria são difíceis de avaliar em suas nuances de sabores. Normalmente, antes da comercialização, fazem um estágio em barricas de madeira e na própria garrafa.


Harmonização

Diz-se que um vinho é harmonizado quando suas características acompanham perfeitamente algum prato e criam uma experiência sensorial de grande prazer.


Estruturados 

São aqueles vinhos nos quais o taninos e outros compostos se sobressaem mais. Pode acontecer em vinhos novos ou pelo estilo da bebida.

 

O vocabulário do vinho possui muitos outros termos, mas estes sete são os principais e no início vão te ajudar a entender as principais avaliações da bebida, na hora de comprar vinhos para a adega, consumir em restaurantes e até mesmo ao conversar com amigos. Você conhece outros termos? Conte-nos!

 

Foto: Banco de Imagens


Bruno Hermenegildo

BRUNO HERMENEGILDO

Sommelier International, formado pela FISAR. Membro da Confraria dos Sommeliers de São Paulo, a mais concorrida confraria profissional do Brasil.

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Artigos, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 9 =