Banner Teknisa

Dia Mundial do Café é comemorado em 14 de abril

Banner WhatsApp e Telegram
Banner Rancho do Pescador
Banner Curso Beca Milano

No café da manhã, depois da refeição, no meio da tarde, não existe um horário pré-determinado, para o consumo do café. Tem quem tome o dia todo e tem quem não goste. Mesmo assim, ele continua sendo o rei soberano, na vida da população e até ganhou um dia só dele. No próximo dia 14 de abril, o mundo inteiro irá comemorar, o Dia Mundial do Café.

Leia mais: Café Gourmet x Café Comum: Você sabe a diferença?

Originário da Etiópia, suas propriedades estimulantes foram descobertas por um pastor, que observou alterações no comportamento de seu rebanho, depois que os animais ingeriram uma plantinha vermelha. O pastor, então, decidiu provar o alimento e logo ficou encantado com seu sabor e aroma. À partir daí, conquistou os países árabes, sendo contrabandeado para a Europa e trazido para o Brasil, onde se adaptou muito bem, ao clima do país.

Palavra derivada do árabe, “gahwa” (aquilo que impede o sono), era consumida em planta, pelo deserto, envolta em gordura animal. Na Turquia, tomou a forma líquida e veio conquistando todos os paladares, até hoje. Uma das principais ações do café, no organismo humano, é ajudar na diurese. A cafeína excita o sistema nervoso central, age sobre o sistema muscular (principalmente sobre o músculo cardíaco) ajuda no rendimento físico e intelectual, aumentando a concentração. Especialistas já estão encontrando outras formas do uso do café, em diversos segmentos como estética, tratamentos de saúde e na gastronomia.

Na estética, a café terapia é indicada para peles com oleosidade e também relaxamento, pessoas com depressão, desintoxicação, reposição das energias térmicas após exposição solar, hidratação, nutrição e mais tônus à pele. Mari Di Chiara, enfermeira especializada em estética, explica que a bebida tem grandes propriedades cosméticas. “A cafeína, não engorda, ao contrário, ajuda à perder medidas e também é uma poderosa máscara anti-idade. Seu princípio ativo também está sendo usado, cada dia mais, em produtos como sabonetes, shampoos, hidratantes e outros. Além disso, é super indicado contra a celulite, compondo muitos produtos desenvolvidos para combater esse mal, o café também tem propriedades esfoliantes e ajuda a acelerar a eliminação natural de gordura das células”, conclui Mari.

Além de ajudar a conservar a beleza exterior, o café também é usado na medicina. Em dois tipos diferenciados, arábico, intenso e de sabor nobre, e a robusta, com aroma suave, após colhido, torrado e moído, deve ser misturado à água, em filtro de papel, coador, na versão instantânea e a expressa. A bebida contém cafestol e kahweol, substâncias que aumentam o colesterol sanguíneo. Portanto, o mais indicado é que seja consumida filtrada ou coada, pois parte destes compostos ficam retidos no processo de filtragem. Por outro lado, é indicado evitar o consumo de café expresso, árabe, turco e grego, pois contém alta concentração destas substâncias. O impacto negativo ao colesterol, só ocorre se o consumo for maior do que três xícaras por dia e as calorias são originárias da quantidade de açúcar utilizado.

A Dra. Elaine Ferraz, graduada em medicina pela Faculdade de Medicina Dr. Domingos Leonardo Cerávolo, pós graduada em endocrinologia (Lato Sensu), pelo IDEF – Instituto de Diabetes e Endocrinologia de Florianópolis, explica que, o consumo excessivo de café, está associado a doenças como hipertensão arterial (pressão alta), osteoporose e doenças cardiovasculares. A substância característica, a cafeína, é responsável pelo efeito estimulante da bebida. Mas, tudo tem o lado positivo, pois estudos mostram que, a cafeína tem a capacidade de melhorar o metabolismo, na ajuda da perda de peso.

Nenhum produto foi tão pesquisado, como o café, nos últimos dois séculos. Seu principal composto ativo, a cafeína, estimula o sistema nervoso central, mantendo a atenção e o bom humor, ajuda no processo de respiração e de digestão. Uma xícara de café pode ajudar no combate aos sintomas da enxaqueca. Consumido em doses regulares, ajuda na prevenção de doenças como o Mal de Alzheimer e o Parkinson. Contém substâncias antioxidantes, que elimina radicais livres e defende o sistema imunológico. Uma xícara pequena de café, com 180ml, contém apenas 2 calorias. Porém, deve-se calcular, pela quantidade de açúcar utilizado.

Na culinária, o café vem sendo utilizado com maior frequência, por seu sabor e aroma inusitado e atrativo. E, não se restringe apenas às receitas doces. Hoje em dia, uma grande quantidade de pratos salgados, também levam esta iguaria, dando um toque especial e extremamente sofisticado ao menu.

A chef Cecilia Padilha, do canal Experimente e do blog YesWeeCook, ensina uma receita maravilhosa, de Filé Mignon aromatizado com Café, que deixará sua refeição deliciosa e requintada.

Receita: Filé Mignon aromatizado com Café da chef Cecília Padilha
Receita: Filé Mignon aromatizado com Café da chef Cecília Padilha

Leia mais: Pavê de Café com Castanha de Caju

Banner Cursos de Confeitaria Online

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Artigos, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + dezenove =