Diferença entre Sommelier, Enólogo e Enófilo

Banner Rancho do Pescador
Banner Box Trufado - Catarse
Banner Espaçamento

Todos esses termos estão relacionados ao mundo dos vinhos, mas cada um possui seu próprio significado.

O universo dos vinhos tem várias minúcias, detalhes e definições que podem confundir até mesmo quem já entende do assunto, quanto mais quem ainda é novo e começou a gostar e entender sobre essa bebida há pouco tempo.

Entre tantos detalhes, um dos que mais costuma ser motivo de dúvida é a definição de sommelier, enólogo e enófilo. Será que é tudo igual? Tem alguma diferença? Essas pessoas fazem as mesmas coisas? Você se enquadra em alguma delas?

Se essa dúvida também está presente em sua mente, fique tranquilo, pois é normal. Agora, você aprenderá tudo o que precisa saber sobre esses termos, para que possa participar das rodas de conversas sobre vinhos sem se confundir!

Banner Espaçamento

Quais são as definições de Sommelier, Enólogo e Enófilo?

Cada uma dessas palavras tem uma definição diferente e significa pessoas com características distintas, embora todas sejam relacionadas ao mundo dos vinhos.

Para que você possa entender melhor, imagine um técnico de futebol, um lateral direito e um juíz. Todos eles estão relacionados ao mundo do futebol, mas cada um em sua devida função.

Sem mais delongas, vamos à definição de cada um desses termos.


Sommelier

A palavra pode ser um pouco complicada de se dizer, é verdade. Isso acontece porque ela tem origem no francês, e seu significado é bem mais simples do que pode parecer: o sommelier é o profissional especialista em bebidas nos restaurantes.

Nesses estabelecimentos, os vinhos, cervejas e demais bebidas alcoólicas não são compradas às cegas e sem qualquer tipo de seleção. Os sommeliers analisam as opções do mercado e, então, escolhem as melhores para o restaurante.

A tão famosa carta de vinhos, que consiste de uma espécie de cardápio dos vinhos, é montada por esse profissional, com os nomes dos vinhos, o preço da dose ou da garrafa e uma breve descrição do seu sabor, aroma e demais características.

Leia mais: 5 dicas para criar uma carta de vinhos para seu restaurante

Se os clientes não sabem muito bem qual vinho escolher, então ele os ajuda nessa seleção, de acordo com as preferências de cada pessoa ou com a melhor harmonização para o prato que foi pedido.

Não é obrigatório ter um curso ou certificação para ser um sommelier, mas aqueles que almejam trabalhar em restaurantes melhores e ter uma remuneração mais alta podem investir nesses cursos para comprovar sua capacitação.


Enólogo

O enólogo é um entendedor de vinhos. A palavra é constituída pelo radical “eno”, derivado do latim e que tem relação com o vinho, mais o prefixo “logo”, que diz respeito a quem tem conhecimento científico sobre algum assunto.

Porém, para levar essa alcunha, não basta apenas entender um pouco sobre a bebida. Os enólogos são especialistas sobre os vinhos, com destaque para o envolvimento nos processos de produção.

Se alguém tem uma vinha e cria um vinho a partir das uvas ou então participa da produção da bebida em uma vinícola, então ela pode ser considerada uma enóloga, já que se relacionou diretamente com esse universo.

É claro que existem os “níveis” dos enólogos: alguém que tenha se envolvido em todo o processo de produção, do plantio ao engarrafamento, tem mais experiência e conhecimento do que alguém que apenas participou da colheita das uvas, por exemplo.


Enófilo

Por fim, o enófilo é alguém que gosta muito de vinhos. Essa pessoa pode ter um conhecimento elevado sobre o assunto, os processos produtivos, os melhores rótulos e as harmonizações com cada culinária.

Essa definição faz com que os termos enófilo e enólogo sejam ainda mais parecidos, mas existe uma grande diferença: o enófilo não se envolve no processo de produção da bebida, embora possa entender sobre ele.

Portanto, se você gosta bastante de vinhos, já experimentou rótulos de vários países, sabe qual é a diferença entre os tipos de uvas e consegue perceber o sabor de cada uma delas, você pode ser considerado um enófilo.

Se é uma pessoa que gosta da bebida e consome de vez em quando, mas sem procurar avidamente por novos conhecimentos e técnicas, também pode ser chamado de enófilo, já que tem interesse e afeição pelo vinho.


Quem é você no mundo dos vinhos?

Esses termos realmente podem confundir a sua cabeça, ainda mais se você não tem muito tempo de experiência com a bebida de Baco. Mas, resumidamente, as definições são as seguintes:

  • Sommelier: profissional responsável pelas bebidas de um restaurante;
  • Enólogo: pessoa envolvida no processo de produção dos vinhos, total ou parcialmente;
  • Enófilo: quem gosta muito de vinhos, mas não está envolvido em sua produção.

É bem provável que você seja um enófilo, que se interessa pela bebida e gosta de aprender mais sobre o mundo dos vinhos. Esse é o primeiro passo para avançar para as próximas etapas, caso se interesse.

Se o seu amor por essa bebida for realmente grande, então ser um enófilo pode não suprir toda essa necessidade de aprender e viver o mundo dos vinhos. Então, você pode trilhar o caminho necessário para trabalhar como enólogo ou sommelier.

Seja qual for a sua posição nessa escala, não deixe de aproveitar tudo aquilo que o mundo dos vinhos pode lhe oferecer. Por isso, garanta bons rótulos de vinhos on-line para aprender mais sobre o assunto e, é claro, se deliciar com essa bebida!

Diferença entre Sommelier, Enólogo e Enófilo
5 (100%) 1 vote

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Colunistas, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

Um comentário em “Diferença entre Sommelier, Enólogo e Enófilo

  • 4 de setembro de 2018 em 10:58
    Permalink

    Muito bacana essa matéria…. mas deveria abordar um pouco mais as competências do Sommelier, que não está somente voltada ao trabalho em restaurantes, tem um trabalho muito importante dentro das importadoras também, que vai desde palestras até a escolha de vinhos para compor o portfólio, sempre buscando tendências de mercado e vinhos que agradam ao paladar dos consumidores.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *