Especial Líbano – Episódio 1: A chegada e suas primeiras impressões e sabores

Banner Benedita Vaz Massoterapeuta
Banner GimGourmand
Banner Mariana de Castro
Banner Espaçamento

Começo hoje a compartilhar com todos vocês leitores do portal minha passagem pelo maravilhoso Líbano.

O Líbano é um estado de espírito. Aquele sentimento que preenche o coração de alegria, os olhos de beleza, os estômagos com as delícias e a alma com uma gratidão imensa.

É muito mais do que imaginamos e pensamos! As pessoas são amáveis e as belezas naturais incríveis. Com seus 7000 anos de história, em sua pequena extensão territorial (é a metade do nosso menor estado aqui no Sergipe) teve dezenove civilizações, suas lindas paisagens e os sabores da sua culinária rica e colorida não tem nada a ver com a ideia que algumas pessoas têm dos dias difíceis pelos quais o país e sua população já passou.

Exatamente, já passou! A capital Beirute (e o restante do país) está em plena reconstrução. A tradição aliada ao modernismo imprime uma identidade tão única na cidade que não perde em nada para outros países que já visitei.

Saí do Brasil rumo ao Líbano, com voo pela Qatar Airlines (maravilhosa!!!) Nossa escala foi na cidade de Doha no Qatar, onde tem um dos aeroportos cinco estrelas do mundo, só com esta qualificação, imagina-se a amplitude do lugar. Mas ainda era preciso seguir adiante, até o Líbano mais 4 horas de voo.

Especial Líbano – Episódio 1: A chegada e suas primeiras impressões e sabores

E as 6 da manhã de um domingo ensolarado pisamos em solo libanês! Só tem um aeroporto no país todo que fica na capital Beirute, e a partir dali inicio uma das jornadas mais fascinantes dos meus “quase 40 anos”!

Saindo de Beirute a primeira parada foi em Deir el Kamar, que significa Convento da Lua. Também conhecida como a cidades dos Emires (príncipes) foi construída sobre um penhasco de uma montanha a 850m de altitude onde mantém seus traços de cidade medieval e suas lindas construções de pedras (que também estão por todo o país). O colorido em suas vielas estreitas são por conta muitas árvores frutíferas em seus quintais.

Destaque para a acolhedora igreja de Nossa Senhora da Colina (Igreja Saydet Al-Tallé) do ano 451 d.C. Na praça pública ainda decorada com enfeites natalinos, está a Mesquita de Fakhereddine Osman Bin Younes, construída em 1493.

Seguimos para Beiteddine bem perto da nossa primeira parada. Seu nome tem como significado “Casa de Fé” e nomina a aldeia e o belo palácio do século XIX.

O palácio, é um complexo. Teve início sua construção no século XIX, e demorou trinta anos para ser finalizado (imagine a grandeza da obra!). Atualmente é a residência de verão do presidente do Líbano.

Como o país é abundante em água, ela se faz presente em todo o palácio. Desde o pátio central em um chafariz imenso, até dentro dos cômodos, sendo o barulho da água importante para que as conversas não pudessem ser ouvidas a quem não interessava.

Percorrendo os três complexos em que são divididos o palácio, interessante ressaltar que ali é o palco para um dos maiores festivais de música do mundo e para nossa alegria Gilberto Gil já cantou por lá. E dentre as tantas untuosidades de pisos, mosaicos, paredes, chafariz, destaco os utensílios onde eram servidos os convidados nos grandes banquetes.

Caminhar em meio a tanta riqueza histórica e cultural me permite aguçar minha inspiração para a minha vida pessoal e mais ainda profissional. Acredito na importância deste conhecimento para criar, escrever, ensinar, aprender e levar a todos não apenas o alimento, mas o que existe em torno da sua existência.

E por falar em alimento, na volta de Beiteddine, por sugestão da querida guia Pauline, paramos em um restaurante famoso no caminho chamado Tayeb (Gostoso, em português).

Característico pelas comidas típicas libanesas, o restaurante tem muitas comidas saborosas e pude me deleitar com falafel, esfihas e um saboroso quibe com molho de iogurte (Kebbeh Sheshbarak).

E não pense que a gastronomia para aqui… Este foi só o primeiro dia de outros tantos que vieram repletos de novidades e delícias que vou estar compartilhando.  A gastronomia do país faz parte de sua identidade e veremos nos próximos capítulos dessa história sobre isso.

Encerro este primeiro episódio, agradecendo aos meus queridos companheiros de viagem Saulo, Cida e Luiz que vivenciaram tudo isso comigo… E convidando você para continuar a acompanhar esses dias felizes pelo país dos Cedros.


Mariana de Castro Pareja Galves

MARIANA DE CASTRO PAREJA GALVES

Formada em gastronomia e especialista na área. Atua como escritora, palestrante, pesquisadora e docente em cursos técnicos, livres, graduação e pós na área de A&B.

Especial Líbano – Episódio 1: A chegada e suas primeiras impressões e sabores
5 (100%) 9 votes

Sabor à Vida

Portal do Estado de São Paulo com tudo sobre Gastronomia: Notícias, TV, Cozinhas, Bebidas, Técnicas, Colunistas, Guia Gastronômico, Receitas, Classificados e muito mais.

4 comentários em “Especial Líbano – Episódio 1: A chegada e suas primeiras impressões e sabores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *